As Esganadas (livro)


Ficha técnica
Título original: As Esganadas
Gênero: Mistério; Suspense
Escrito por: Jô Soares
Classificação: 3/5
Número de páginas: 264
Editora: Companhia das letras






Achei a estória toda bastante interessante. Logo nos primeiros capítulos lhes é apresentado o assassino de toda a trama - o que achei bem estranho, já que normalmente em livros de investigação policial isto só ocorre no fim, para gerar uma surpresa ao leitor - e o porquê dele cometer os assassinatos. Nunca havia lido qualquer livro de Jô, mas este sempre foi alguém a quem admiro bastante, pois acho um grande apresentador. O interessante deste livro é que ele foi bem montado e elaborado. Consegue prender o leitor de uma forma que não se termina de ler o livro com um objetivo ao certo (como por exemplo, descobrir o assassino ou de que forma ele assassina ou algo parecido), mas sim apenas por gostar de como a mesma vai se estendendo, mostrando o perfil de cada "esganada", - como vos chama -  e o que diferencia uma morte da outra.

Em alguns livros - e não todos - se é possível tirar algum aprendizado com a obra (seja moral ou, como no caso, de conhecimento mesmo) e este me apresentou algo que achei bastante interessante - mas que não vou revelar a vocês pra não acabar com a graça - na área de saúde, e que não sabia ser possível existir, o que define a preocupação do autor com a sua própria obra, fazendo várias pesquisas e consultas para ter certeza sobre o que e como ele pode falar sobre isso. Para mim, esta é uma qualidade que poucos autores possui e que devem ser destacadas, já que por vezes observamos informações em livros que não sabemos se, de fato, é real. 
Adorei o personagem principal e penso que este, de fato, me marcou, principalmente pela sua originalidade. "Sinistro": creio que esta é uma palavra que possa caracteriza-lo bem. Apesar de ser classificado como "investigação policial", posso dizer também que em alguns momentos específicos me fizeram dar bastantes risadas, principalmente os que envolviam o personagem Calixto e o seu misterioso estilo de vida que surpreende a todos, causando bastante alvoroço. 
Também não consegui deixar de imaginar como seriam as caras e bocas do Jô, caso ele mesmo estivesse lendo o próprio livro, haha. Esta é uma obra leve, diferente de todas que já li. Apesar do desfecho ser algo já esperado, gostei bastante. Todavia, creio que o livro em si deixou no leitor um espaço não preenchido, com um "quê" de que poderia ser melhor,  sim, mas ao mesmo tempo causando um pensamento de "Sim, e daí? Isso é tudo?", fazendo o mesmo querer sempre um pouco mais. 

Comentários

Olá, tudo bem? eu te indiquei pra um selo lá no meu blog, espero que goste.
Beijo :)

http://meu-cantinho-pattyss.blogspot.com.br/

Postagens mais visitadas